7 lugares para trabalhar remotamente em POA

2016-05-05_trabalhar_remoto_portoalegre

 

Lugares públicos com boa estrutura e wi-fi para trabalhar são meio raros em Porto Alegre. Em compensação a cidade oferece vários cafés aconchegantes que parecem feitos sob medida para quem busca um dia de trabalho longe do home office.

Outra característica bem específica da capital gaúcha é que os coworkings possuem pacotes de horas, ao contrário da maioria dos espaços de São Paulo e Rio de Janeiro que trabalham apenas com pacotes mensais.

Seguindo a nossa série sobre lugares bacanas para trabalhar remotamente, selecionamos alguns espaços que você não pode deixar de conferir em Porto Alegre.

Coffeehood

Um café pertinho da faculdade de medicina da UFRGS e que tem balcões incríveis com vista para o movimento da rua. O segundo andar tem uma área reservada para quem precisa de concentração. Tem comida boa, preços camaradas e tomadas por todos os cantos. Eu poderia morar nesse café.

2016-05-05_trabalhar_remoto_rio_coffeehood

Vai lá:
Coffeehood
Rua Sarmento Leite, 282
De Segunda a Sexta, das 7h às 20h

Casa de Cultura Mario Quintana

Construído a partir de 1916 para abrigar o imponente Hotel Majestic, o prédio serviu de casa para o poeta Mario Quintana entre 1968 e 1982 e preserva uma atmosfera inspiradora. O lugar tem vários espaços culturais, dá para trabalhar e fazer um intervalo vendo uma exposição e até pegar um cinema no final do dia. O terceiro andar é o melhor para quem busca silêncio.

2016-05-05_trabalhar_remoto_rio_mario-quintana

Vai lá:
Casa de Cultura Mario Quintana
Rua dos Andradas, 736
De Terça a Sexta, das 9h às 21h
Sábados, Domingos e feriados, das 12h às 21h

Yami Café

Totalmente work friendly, o café localizado no limite entre os bairros Bom Fim e Rio Branco é ótimo para fazer reuniões. O atendimento é um dos diferenciais do lugar, sem falar no menu especial com produtos sem glúten e sem lactose.

2016-05-05_trabalhar_remoto_rio_yumi

Vai lá:
Yami Café
Rua Francisco Ferrer, 478
De Segunda a Sexta, das 10h às 19h
Sábados, das 11h30 às 19h

Nós Coworking

O Nós foi um dos primeiros coworkings que surgiram em Porto Alegre e é conhecido pela ótima interação que promove entre coworkers e pela agenda variada de eventos. É possível adquirir planos por recargas: cada hora custa R$ 8,25 e a compra mínima deve ser de R$ 165.

2016-05-05_trabalhar_remoto_rio_nos

Vai lá:
Nós Coworking
Shopping Total – Al. dos Escritores
Av. Cristóvão Colombo, 545 – Prédio 02 -3º andar / Shopping Total

Café Cultural / Livraria Cultura

Fica dentro da Livraria Cultura, o que significa trabalhar rodeado por vários livros bacanudos. Para acessar o wi-fi é preciso fazer o cadastro no site da Cultura, e eu achei mais fácil fazer isso em casa. Segundas e terças são os melhores dias para frequentar o espaço: o movimento é bem mais tranquilo.

2016-05-05_trabalhar_remoto_rio_cultura

Vai lá:
Café Cultural
Livraria Cultura do Bourbon Country
Av. Túlio de Rose, 80
De Segunda a Sábado, das 10h às 22h
Domingos, das 14h às 20h

Valkíria Café

É um café bem movimentado que fica em uma região que concentra vários escritórios. O térreo tem mesas grandes e também uma área externa, enquanto que o andar superior tem mesas individuais. Lembre de levar uma extensão, nem todas as tomadas ficam perto das mesas. O destaque do cardápio é o brownie de doce de leite (eu comeria em quantidades absurdas).

2016-05-05_trabalhar_remoto_rio_valkiria-1

Vai lá:
Valkíria Café
Av. Carlos Gomes, 604
De Segunda a Sexta, das 8h às 19h30
Sábados, das 10h às 19h30

Área 51

O coworking fica em um casarão antigo que também abriga a escola criativa Perestroika e uma filial do Valkíria Café, além de escritórios de várias empresas que compartilham o espaço. Além dos planos mensais, a Área 51 oferece pacotes por ticket, onde o turno sai por R$ 60.

2016-05-05_trabalhar_remoto_rio_area51

Vai lá:
Área 51
Av. Coronel Lucas de Oliveira, 894

* O post 7 lugares para trabalhar remotamente em Porto Alegre foi publicado originalmente no tutano, a plataforma de conteúdo do trampos.co

  • Julio

    isso não é um guia de coworking – é um guia de turismo!! parabéns!

  • sensacional! trabalho exatamente assim há 9 anos, e conheço quase todos, exceto o primeiro. atualmente uso o cowo 51(área 51), e o Valkiria, que são super bacanas. Incluiria na lista o Baden cafés que é ótimo pra trabalhar também, a Padarie que é legal para reuniões, e o Agridoce que tem mesas grandes pra trabalhar e fazer reuniões (fora o fato de ser um lugar incrivelmente inspirador). ;)

  • e outro que a gente curte bastante, o café da Casa de la Madre (o problema é sair sem comprar nada, hehe)

    • Juliana Franzon

      Oi, Gabi, que legal que você também é adepta do home office. O Baden e a Padarie eu conheço e também gosto bastante. O Agridoce a Marcia já falou dele aqui no blog, é muito incrível, né? Outro que também gosto muito é o Café do Duque, é uma pena que não conseguimos listar todos, mas também fico muito feliz de ver que Porto Alegre tem cada vez mais opções. Ah, vou experimentar o da Casa de La Madre, obrigada pela dica! Beijos.

  • Posso Contribuir com mais duas possibilidades. O Attive Coworking, no meio da Bella Vista, que tem desde salas fechadas, uma sala de reuniões prontas para fechar negócios, baias, mini auditório, um baita pátio e sempre um bom evento na programação. A outra é o UP WORKS, um coworking de Caxias do Sul que abriu uma sede bem no meio da Padre Chagas, para quem está por ali e quer aproveitar o verde do Moinhos eles além do coworking oferecem uma sala para grupo de Focus e um estúdio fotográfico equipado.

  • Dulce Maria Nunes

    Muito boa idéia!